Irvin Azoff é eleito o terceiro homem mais poderoso da música

A gente reclama, a gente xinga, a gente briga, mas mais uma vez a imprensa destaca o poder de Irvin Azoff, que é empresário de Christina desde 2001. A Billboard o elegeu como a 3ª pessoa mais poderosa de toda a indústria musical, destacando a habilidade dele em render negócios vantajosos para os clientes dele. Dentre os feitos mencionados:

Gwen Stefani conseguiu um contrato em The Voice por estimados 10 milhões de dólares (dizem que a cliente de Azoff Christina Aguilera está recebendo ainda mais para voltar à 8ª temporada do programa).

Anúncios

2 comentários sobre “Irvin Azoff é eleito o terceiro homem mais poderoso da música

  1. Thais disse:

    Em relação aos contratos publicitários ele parece ser bom mesmo, Xtina, Gwen, Pharrel estão muito bem, mas na hora de gerenciar a parte musical está deixando a desejar e depois daquela noticia que ele quer retirar as músicas do youtube do artistas da empresa dele, que os usuários usam, fiquei com os dois pés atrás. Sem falar de várias coisas que ele prometeu nesses últimos anos e nada aconteceu.

    Curtir

  2. Douglas disse:

    Bem… Azoff é contratado da Xtina, não o inverso, se ela quiser demitir ele, ela pode. A função dele como empresário é deixar a marca dela forte, isto ele faz com total perfeição. Eu realmente não gosto da gestão musical do Azoff, é muito claro que a música não é o foco deles, e provavelmente nunca sera, até por este motivo eu não acredito em um “grande comeback” como se prega e desejam, isto é bem difícil com a atual equipe dela. Mas… se eles tem esta gestão, é também porque seus clientes pedem. É mais culpa da Xtina de querer isto do que dele. Fico feliz por ele ainda ser tão poderoso na indústria, ao menos ela continua em boas mãos para deixar seu legado, mesmo que longe da música.

    Curtir

Os comentários estão desativados.